A importância do zinco na saúde das mulheres


Se tivéssemos que escolher qual o mineral mais importante na saúde da mulher, assim como na beleza e bem-estar, o zinco seria o grande eleito.

Vamos então ver os benefícios do zinco na saúde da mulher:


Ciclo menstrual: importante devido à grande perda do mineral no o sangue eliminado 

Libido: ajuda a manter a libido elevada

Acne: Eficaz no combate a acne 

Pele: Evita o envelhecimento precoce da pele

Para que não falte o mineral zinco em seu organismo basta acrescentar alimentos que contenham o mineral em sua alimentação.

E os alimentos onde o zinco está mais presente são:

  • sementes de abóbora
  • gema de ovo, 
  • leite, 
  • queijos (em especial o provolone), 
  • peixes e frutos do mar, 
  • grão-de-bico, 
  • cereais integrais.

Leia Mais ►

Tipos de ácido hialurônico

De tão famoso, o ácido hialurônico - um potente preenchedor de sulcos faciais - já é bem conhecido até por leigos. Mas você sabia que existem 4 tipos de ácido hialurônico? Simmm, é verdade! Vamos entender melhor cada um deles?

Tipos de ácido hialurônico
Tipos de ácido hialurônico


Quais são os 4 tipos de ácido hialurônico?


- Ácido hialurônico Hyaloveil: é um novo tipo de ácido hialurônico adesivo, que forma um filme sobre a pele mantendo a hidratação cutânea, através da manutenção da umidade, funcionando como um selante.

- Ácido hialurônico Hydromanil: Propicia uma matriz tridimensional na superfície da pele, promovendo hidratação imediata e de longa duração do estrato córneo, além de liberação gradual de outros ativos integrados ao produto. Esta hidratação 3D melhora a adesão entre as células e reduz a descamação, recuperando o bom aspecto e aparência viçosa da pele.

Ácido hialurônico Hyalurosan: o hialuronato de sódio também mantém a hidratação da pele evitando o ressecamento, além de ter excelente penetração e afinidade com a pele demonstrando ótimas características lubrificantes.

- Epidermosil (Peeling Biológico Natural): ácido hialurônico fracionado, de baixo peso molecular, vetorizado pelo silício orgânico (silanol), intensificando a renovação epidérmica. Possui ação antiaging, com efeito preenchedor e firmador. Possui elevado poder de hidratação cutânea, atua na renovação celular, na reestruturação da derme e epiderme e aumenta a produção de ácido hialurônico natural.

Fonte: Buona Vita

Leia mais sobre Beleza.

Leia Mais ►

Exercícios para gestantes

Neste artigo você lerá sobre:

- Exercícios para gestantes,
- Exercícios no pós-parto,
- Exercícios para bebês

As gestantes podem e devem fazer exercícios, mas devem ser acompanhadas por profissionais especializados e por seu médico obstetra/ginecologista. O programa Dani Rico pode ser um bom método de exercícios para gestantes fazerem atividades físicas com segurança para ela e para o bebê.

Exercícios para gestantes
Exercícios para bebês

O programa Dani Rico oferece

GESTANTE

Devido a todas as mudanças fisiológicas e estruturais durante nove meses, a grávida precisa de um programa especial que possa oferecer atividades apropriadas, específicas e seguras. Assim, o Programa Dani Rico tem o objetivo de controlar o ganho de peso, manter a condição física, prevenir a depressão gestacional e o estresse, melhorar a auto-estima e, além de tudo isso, atuar na prevenção de doenças graves como diabetes gestacional e pressão alta, visando o bem estar e melhora da qualidade de vida da gestante.

O Programa Dani Rico, oferece atividades em grupo e individuai de acordo com a necessidade e objetivo de cada aluna, monitorada por professores capacitados.


1. Ginástica Gestante: exercícios de alongamento, ginástica localiza­da e preparação para o parto – fortalecimento do assoalho pélvico, exercícios respiratórios e trabalho específico de abdominal, no qual favorece a postura da grávida diminuindo os incômodos causados pela gestação;

2. Hidrogestante: Atividade aquática que associa um trabalho de condicionamento físico nas áreas cardiopulmonar e de resistência muscular, combinada com o trabalho circulatório;

3. Natação gestante: modalidade que oferece uma manutenção da condição cardiorespiratória e fortalecimento da cadeia postural, visando o controle de peso da gestante;

4. Musculação: Com objetivo de fortalecer a musculatura, prioriza os músculos que serão solicitados na gestação e no pós-parto, buscando um equilíbrio postural, amenizando dores e desconfortos causados pelas mudanças estruturais da gestação. As séries são prescritas de acordo com os trimestres gestacionais e condição física da aluna antes de engravidar.

Veja a importância de malhar na gravidez e três exercícios essenciais


PÓS-PARTO

As aulas possibilitam à mãe retornar à atividade física na companhia de seu bebê, que ficará ao seu lado todo o tempo. Neste período de recuperação da boa forma, as atividades recomendadas são ginástica localizada, treinamento funcional, alongamento, musculação e atividades aquáticas.

Como ganho adicional, melhora da autoestima e prevenção de depressão pós parto. Os exercícios são específicos e adaptados para esta fase puerperal, com volta gradual para não causar lesões ou mesmo diminuir a produção do leite materno. É dada atenção especial ao abdômen para que não aumente a diástase abdominal (separação do reto abdominal na gestação).

As aulas em grupo também proporcionam o saudável entrosamento entre mães, que podem trocar e compartilhar experiências vividas nesta fase tão delicada de suas vidas.


MAMÃE-BEBÊ

Aulas específicas para os bebês entre três e seis meses. O objetivo é estimular nos bebês os aspectos físico, cognitivo e social de forma correta, respeitando as fases motoras de cada um.

As modalidades oferecidas para os bebês são:

1. Música: atividade que desperta curiosidade, concentração e estimula o bebê a vivenciar diversos tipos de sons e ritmos, proporcionando uma maior motivação, relaxamento e interação entre pais e bebês;

2. Psicomotricidade: extremamente importante para o desenvolvimento físico, cognitivo, emocional, social e afetivo do bebê. Esta aula se baseia em exercícios que estimulam o bebê a fortalecer a musculatura importante para o desenvolvimento motor, no qual facilita os movimentos de sustentação, de deslocamento e de marcha como: levantar a cabeça, rolar, sentar, rastejar, engatinhar, ficar de pé.Nas aulas são estimuladas as habilidades sensoriais, fazendo com que o bebê experimente diversas sensações através da visão, audição e tato. A parte do desenvolvimento cognitivo também faz parte do programa no qual são realizados exercícios que favoreçam a curiosidade, habilidades específicas e o raciocínio do bebê.

3. Natação para bebês: Estímulo aquático no qual o bebê se sente muito à vontade por ter vivido durante nove meses no útero materno, ambiente reconhecido nesta fase inicial, no qual se assemelha ao banho do bebê, tornando uma atividade super prazerosa. Esta aula é extremamente benéfica para os bebês, pois além de estimulá-los a se deslocar livremente, fortalecendo a musculatura dos braços, tronco e pernas, proporciona um relaxamento sensacional que favorece o sono e a alimentação. A água morninha também ajuda no funcionamento dos intestinos e suaviza desconfortos.

O programa Dani Rico é oferecido na Bodytech sudoeste

Dani Rico, educadora física e idealizadora do Programa Dani Rico, é a mais nova integrante da Rede Bodytech. Referência no atendimento à toda a família, a academia ganha esse importante reforço para atender com excelência, também, às mamães para que se mantenham na atividade física tanto na gestação quanto no pós-parto. O programa já está disponível na Bodytech Sudoeste.

Fonte: Divulgação

Leia mais sobre gestantes.
Leia Mais ►

Escova progressiva de maçã (Discovery) e escova Fashion City

Ybera Professional investe em progressivas sem formol, como a 'escova progressiva de maçã'!


Escova progressiva de maçã (discovery) e escova Fashion City
Escova progressiva de maçã (discovery) e escova Fashion City

As escovas progressivas com formol foram proibidas no Brasil pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em 2009. Saiba "Por que formol faz mal à saúde".

A proibição fez fabricantes de cosméticos correrem em busca de novas possibilidades e tecnologias para o alisamento temporário dos cabelos. A Ybera Professsional foi uma delas, que traz duas novidades ao mercado: a escova progressiva de maçã (ou discovery) e a escova progressiva Fashion city.

Progressiva Discovery (a de maçã)


Escova progressiva de maçã (discovery) e escova Fashion City
Escova progressiva de maçã? Será que funciona?

Feita à base das células-tronco de uma maçã suíça rara, a escova progressiva Discovery (foto 2) promete manter os fios lisos por até 4 meses, dependendo dos cuidados pós-progressiva.

A escova progressiva da maçã chamada Uttwiler Spätlauber já é conhecida pela indústria da beleza por suas propriedades antioxidantes e seu alto poder regenerativo. Segundo a Ybera, a fórmula é 100% natural – não tem adição de formol, ácidos ou química de relaxamento – e age diretamente na camada de hidrogênio, prometendo alisar e hidratar os fios, sem danificá-los.

Recomendada para o uso profissional, a linha de escova progressiva Discovery reúne cinco produtos.

Leia também: BB Cream para cabelos? Sim. São 19 benefícios do bb cream capilar...

Progressiva Fashion City


Outro lançamento da Ybera neste segmento é a escova progressiva Fashion City, que homenageia em seu rótulo quatro capitais da moda: Paris, Nova York, Hong Kong e São Paulo. Ela traz em sua composição ácidos lático e glicólico, proteína de quinoa e óleos de coco e inca, ricos em ômega 3, 6 e 9, que restauram a camada lipídica capilar perdida durante os processos de alisamento e tingimento.

A aplicação da escova fashion city é prática e econômica, já que é feita com um único produto – um creme selante comercializado em embalagem de 1 litro, e promete cabelos lisos, mais resistentes e brilhantes, sem alteração da cor dos fios.

E aí meninas, quem se candidata a experimentar a escova progressiva de maçã (ou escova Discovery) e a escova progressiva Fason City pra nos contar os resultados?

E cuidado com os cabeleireiros que mantêm frascos de formol escondidos no salão e sempre misturam formol a todas as fórmulas para que  efeito dure por mais tempo, mas que podem causar até câncer!

Escova progressiva de maçã (discovery) e escova Fashion City
Escova progressiva Fashion City

#beleza       #cabelos

Fonte: Yberá Professsional

Leia Mais ►

Adoçantes que grávidas diabéticas podem usar

Se você for diabética e estiver grávida deve estar com a seguinte dúvida: Qual adoçante uma grávida com diabetes pode usar?

Confira o que se sabe de mais recente sobre o uso dos adoçantes na gravidez de acordo com a ADA (American Diabetes Association):

Adoçantes que grávidas diabéticas podem usar


Adoçantes proibidos na gravidez! (adoçantes que você deve evitar se estiver grávida)



Adoçantes que grávidas diabéticas podem usar
Adoçantes que grávidas diabéticas podem usar

- Ciclamato de Sódio: Este adoçante pode atravessar a placenta e causar danos genéticos ao bebê. Passe longe!


- Sorbitol: Não é tóxico nem carcinogênico, porém pode provocar flatulência, cólicas e diarreia, além de aumentar a perda de cálcio na urina. Evite o excesso.

Leia também: Diabetes gestacional

- Frutose: Açúcar natural das frutas e do mel pode provocar hiperglicemia e aumento dos triglicerídeos no sangue, por isso, evite-os durante a gravidez. Mas atenção, não há motivos para tirar as frutas da sua rotina.

- Esteviosídeo: Apesar de natural, é desaconselhado para gestantes pela falta de estudos que comprovem a sua segurança. Pelo seu gosto amargo, é geralmente associado a outros edulcorantes, como a sacarina e o ciclamato de sódio. Fique atenta!

Adoçantes permitidos na gravidez! (adoçantes que você pode usar se estiver grávida)


- Sucralose e Acesulfame K: Não apresentam gosto residual, não são tóxicos ou carcinogênicos para mãe e filho. Liberados!

- Aspartame: Antes muito criticado, o aspartame já foi inocentado. Uma gestante teria de consumir no mínimo 240L de bebidas adoçadas por dia para atingir uma quantidade tóxica. Também não existem evidências até o momento de que o aspartame atravesse a placenta, despreocupando os portadores de fenilcetonúria, (doença na qual há problemas no metabolismo do aminoácido fenilalanina, parte da composição do aspartame). Ainda sim, o uso deve ser moderado durante a gestação.


- Sacarina: Ainda há muitas dúvidas sobre os seus efeitos transplacentários, porém ela faz parte da lista de uso permitido. O problema é que, por causa de seu gosto amargo, é sempre associada a outros edulcorantes, como ciclamato de sódio. Se for esse o caso, evite!


- Neotame: É um derivado do aspartame e menos de 20% da fenilalanina é liberada no sangue. Sem efeitos tóxicos, o uso desse adoçante para gestantes está liberado.

Atenção:

Sempre leia o rótulo para garantir o consumo apenas dos edulcorantes permitidos durante a gravidez. Além disso, procure variar os tipos de adoçantes durante a gravidez.

Assim, quando o frasco acabar, compre outro com adoçante diferente. Você evitará chegar perto do consumo máximo permitido. Na dúvida sobre sua alimentação procure um nutricionista. Siga a orientação do seu médico!

Fonte: Einstein (Rachel Helena Vieira Machado, nutricionista clínica do Einstein)​

Leia mais sobre GESTAÇÃO
Leia Mais ►

Mais posts...

Não encontrou o que buscava? Pesquise

Pesquisa personalizada