• Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher
  • Anunciar no Saúde da Mulher

Nutricosméticos substituem a alimentação saudável?

Os nutricosméticos vem ganhando cada vez mais espaço na busca das brasileiras pela pele, cabelo e corpo perfeitos. Eles são comprimidos feitos de minerais, vitaminas e combinações de complexos para reforçar a beleza que vem de dentro.

Mas os nutricosméticos substituem a alimentação saudável? Saiba a opinião da nutricionista Vanessa Suzuki, especialista em Nutrição Clínica e Estética que diz que a alimentação correta tem o mesmo efeito dos remédios, mas a quantidade de nutrientes ingeridos está longe de ser a ideal.

Nutricosméticos substituem a alimentação saudável?
Nutricosméticos substituem a alimentação saudável?

— Uma alimentação balanceada deve suprir todos os nutrientes que o organismo necessita para a saúde e consequentemente para a beleza, mas isso é quase impossível de se conseguir, já que ninguém carrega uma enciclopédia nutricional debaixo do braço, além de um caderninho anotando tudo o que comeu ou deixou de ingerir durante o dia.

Apesar do consenso de que a alimentação correta é a chave para pele e cabelos de dar inveja, o "pulo do gato" dos nutricosméticos está na concentração de cada ativo. Determinados benefícios só são alcançados com doses altas de vitaminas e minerais e mesmo com uma dieta rica e variada são difíceis de ser supridos. Cristina Del Magro pontua:

— A alimentação correta supre necessidades, sim, na maioria dos casos, embora algumas substâncias necessitem suplementação oral, pois seria impossível recebermos as quantidades necessárias pela alimentação. O problema é que conseguir essa alimentação correta é quase impossível.

Mas quem pensa em largar os tratamentos convencionais de vez deve ir com mais calma. De acordo com a dermatologista Cristina Del Magro, as cápsulas da beleza ainda não vão tomar lugar dos tratamentos convencionais.

— Até o presente momento os tratamentos com cremes, medicamentos, procedimentos a laser, toxina botulínica e preenchimentos são superiores nos resultados, quando pensamos em saúde e beleza da pele.

Fonte: R7
Conteúdo do Saúde da Mulher é informativo/educativo. Não exclui consulta com profissional de saúde. Este artigo pertence ao Saúde da Mulher. Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.

Não encontrou o que buscava? Pesquise

Pesquisa personalizada