Cenoura aumenta produção de leite materno em grávidas

Abaixo, vários dos benefícios da cenoura, dentre eles a produção de leite materno, em negrito.

A cenoura é uma grande fonte de vitamina A, cujas necessidades diárias podem ser quase que totalmente supridas com apenas 100 gramas  desse legume. Essa vitamina contribui para o bom estado da vista, da pele e das mucosas. Além disso, a cenoura contém muitos sais minerais, como Fósforo, Cloro, Potássio, Cálcio e Sódio, necessários ao bom equilíbrio do organismo, e vitaminas do Complexo B, que ajudam a regular o sistema nervoso e a função do aparelho digestivo.

Crua, ralada e bem lavada, a cenoura limpa os dentes e desenvolve os músculos mastigadores; seu suco ou caldo concentrado de seu cozimento adicionado ao mel ou suco de limão é ótimo para curar bronquite; é indispensável para gestantes e lactantes, pois melhora e aumenta o volume sanguíneo que, conseqüentemente, aumenta e melhora a produção do leite.

A cenoura funciona como laxante, sendo que seu suco combate a prisão de ventre, favorece o bom funcionamento do fígado, purifica a bile, ajuda na cura da icterícia, além de ser um bom remédio para as enfermidades dos brônquios e pulmões.

A cenoura é um dos legumes que se conserva por longo tempo, e seu sabor, levemente adocicado, combina com inúmeros outros alimentos. Por ser tão nutritiva recomenda-se que seja ingerida pelo menos três vezes por semana.Para compra deve-se escolher cenouras lisas, firmes, sem irregularidades ou rugas , cor uniforme e tamanho não muito grande.

A cenoura é uma excelente fonte de betacaroteno que é um importante antioxidante, anticancerígeno, protetor circulatório e imunológico devido os princípios ativos: Xantotoxina, ácido cinâmico Kaempferol, ácido ferrúlico, licopeno, quercitina, betacaroteno. A cenoura apresenta importante ação ocular devido a vitamina A, presente em sua composição.

Na pele promove a proteção contra os raios ultravioleta. O betacaroteno existente na cenoura se transforma em vitamina A  em nosso corpo auxiliando no equilíbrio imunológico, melhorando a resistência orgânica e previnindo doenças nos olhos e a emeralopia ou cegueira noturna. Estudos indicam que a cenoura diminui a incidência de derrame em mulheres e a fibra solúvel presente na cenoura diminui o colesterol sangüíneo. Um experimento na Escócia demonstrou que 200g de cenoura crua durante 3 semanas reduziu o nível de colesterol em 11% de voluntários saudáveis.

CREDIDIO, E. V., "Alimentos Funcionais na Nutrologia Médica" - Editora Ottoni - Itu, SP, 4º Edição - 2008.
Leia Mais ►

Não encontrou o que buscava? Pesquise

Pesquisa personalizada