Diabetes na gravidez (gestacional)

A Diabetes Gestacional acomete subitamente mulheres não-diabéticas que engravidam. 

No Diabetes Gestacional, a mulher desenvolve o Diabetes somente durante a gestação (gravidez) porque produz uma quantidade insuficiente de insulina para ela e seu bebê. Ao término da gestação, a mulher volta ao seu estado normal de produção de insulina. Isto ocorre porque, neste período, a placenta produz substâncias que bloqueiam a ação da insulina, o que pode provocar a elevação de glicose. 


Diabetes na gravidez (gestacional)
Diabetes gestacional


Mas não é preciso se alarmar. Essa é uma situação passageira em sua vida e seu bebê vai se desenvolver normalmente se forem seguidas todas as recomendações do seu médico.
 
Fatores de risco
• Idade acima de 30 anos;
Obesidade ou ganho excessivo de peso na gestação;
• Parentes próximos com Diabetes;
• Gestação anterior com bebê pesando mais que 4 Kg ao nascer;
• Aborto ou morte fetal anterior (não-esclarecidos);
• Tratamento para "Pressão alta" ;
• Diabetes presente em gestações anteriores;
• Presença de glicose na urina.

Sintomas
• Urinar muito
• Ter sede exagerada
• Comer muito
• Perda ou aumento exagerado de peso
• Cansaço, fraqueza e desânimo.
 
OBS: O diabetes gestacional pode estar presente mesmo sem que a mulher apresente quaisquer desses sintomas

Consequências do aumento anormal da glicose para a mãe e o bebê• Macrossomia - a criança cresce muito e pode nascer pesando mais que 4 Kg;
• Parto cesariano em função do tamanho da criança ;
• Bebê com hipoglicemia (baixa de açúcar no sangue);
• Morte fetal intra-útero;
• Infecções urinárias frequentes na gestação;
• Parto prematuro em função de excesso de líquido amniótico no útero, causando, inclusive, aumento exagerado da barriga e do peso corporal.

Quando o Diabetes Gestacional for diagnosticado, seria ideal o acompanhamento de uma equipe composta por médicos obstetra e endocrinologista, nutricionista e enfermeira. Caso contrário, siga corretamente as instruções do seu médico.
Mantendo os níveis de glicose em valores normais, a gestante evita todas as consequências do Diabetes Gestacional.
 

Fonte: NovoCare - Novo Nordisk

3 comentários:

  1. hola! Eu realmente gostei deste blog

    ResponderExcluir
  2. hola! Eu realmente gostei deste blog

    ResponderExcluir
  3. Olá blogueiro!
    O número de pessoas com hipertensão no Brasil aumentou de 21,5%, em 2006, para 24,4%, em 2009. A hipertensão é uma doença silenciosa e ataca todas as faixas etárias. Por isso, junte-se à campanha de combate e controle da hipertensão do Ministério da Saúde. Você pode ajudar na conscientização da população por meio do material de campanha que disponibilizamos para download.
    Caso se interesse, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br
    Obrigado!
    Ministério da Saúde

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo.

Não damos receitas nem indicamos medicamentos, pois apenas um médico e em um consultório é autorizado a prescrever medicamentos.

Fornecemos aconselhamento/assistência farmacêutica de farmacêuticos.

Infelizmente, não conseguimos responder a todas as perguntas, mas as mesmas são publicadas, pois há muitos internautas que veem as perguntas e as respondem.

ATENÇÃO!
Respostas que não foram escritas pelo Saúde da Mulher NÃO são de responsabilidade do Blog.

Não encontrou o que buscava? Pesquise

Pesquisa personalizada
sem acentos